Câmara Inversa

terça-feira, fevereiro 07, 2006

Koji Kondo



Koji Kondo, nascido em 13 de agosto de 1961 em Nagóia, é um compositor e músico japonês mais conhecido por suas trilhas de vários vídeo games produzidos pelo Nintendo.

Kondo começou a estudar música muito cedo escrevendo peças simples por diversão. Aos dezessete anos, Konji decidiu seguir a carreira de músico. Assim, estudou música clássica e aprendeu a tocar vários instrumentos.

Nos anos 80, Kondo escutou que uma companhia chamada Nintendo estava procurando músicos para seu novo vídeo game, o Famicom (conhecido como Nintendo no resto do mundo). Kondo nunca tinha pensado em escrever trilhas para vídeo games, mas decidiu ver no que daria. Ele foi contratado em 1983.

Inicialmente, Kondo ficou restrito a somente quarto “instrumentos” (dois canais monofônicos, um canal triangular monofônico de wave que poderia ser usado como baixo e um canal sonoro usado como percussão), devido ao primitivo chip de som do vídeo game à época.

Posteriormente, com o desenvolvimento dos jogos, Kondo teve mais recursos para explorar as trilhas dos jogos.

As maiores influências musicais de Kondo são o jazz, a música clássica e rítimos latinos, que são freqüentes em suas composições.

Os críticos geralmente citam como o maior talento de Kondo sua habilidade de criar melodias que permanecem agradáveis mesmo quando repetidas por longos períodos de tempo e tocadas por equipamentos de som de qualidade razoável.

Aí vão dois links. O primeiro é o da versão original da trilha de Mario Bros. O segundo link é de um arranjo para big band, do cd “Super Mario Live”.

http://rapidshare.de/files/12374401/Mario_Bros_theme__original_.mp3.html

http://rapidshare.de/files/12378222/Mario_Bros.mp3.html

10 Comments:

  • Que barato isso! Quem diria que existia um compositor "sério" por trás daqueles barulhinhos... :-)
    Fiquei curioso pra escutar de novo.

    Agora, olha só: gostei muito do Bártok, mas nem tanto do John. Acho que o tipo de música que ele faz, é também feito por bandas de rock, como o Radiohead, o Pink Floyd e o The Who, de uma forma mais interessante.

    By Blogger Fabio Silveira, at fevereiro 07, 2006 2:41 PM  

  • Sobre o John Adams, minha intenção foi dar um pequeno exemplo do que se chama de "looping music", uma concepção artística muito peculiar à estética minimalista. É um tipo de composição aparentemente simples, mas que esconde uma complexidade no desenvolver da "narrativa".

    Há composições muito mais "interessantes" de Adams, principalmente "Century Rolls", também meu primeiro contato com sua música. Nesta obra, ele desenvolve um conceito de "massas sonoras", ou "sound waves" - algo que é impossível ouvir sem perceber que há algo de novo e maravilhoso ali.

    Posteriormente, colocarei à disposição outras obras de Adams.

    Um grande abraço para todos!

    By Blogger Daniel Lopez, at fevereiro 07, 2006 6:48 PM  

  • O cara que fez as músicas do Super Mário é realmente genial.

    By Anonymous Gabi, at fevereiro 07, 2006 6:50 PM  

  • Aí vai um pequeno texto do próprio John Adams sobre esta composição:


    "I held on to the idea of the oscillating patterns and made an overall structure that could embrace much more variety and emotional range. Most importantly, the quartet became a septet, thereby adding a sonic mass and the potential for more acoustical power. The "loops" idea was a technique from the era of tape music, where small lengths of prerecorded tape attached end-to-end could repeat melodic or rhythmic figures ad infinitum. (Steve Reich's It's Gonna Rain is the paradigm of this technique.) The Shakers got into the act partly as a pun on the musical term "to shake," meaning either to make a tremolo with the bow across the string or else to trill rapidly from one note to another.

    The flip side of the pun was suggested by my own childhood memories of growing up not far from a defunct Shaker colony near Canterbury, New Hampshire. Although, as has since been pointed out to me, the term "Shaker" itself is derogatory, it nevertheless summons the vision of these otherwise pious and industrious souls caught up in the ecstatic frenzy of a dance that culminated in an epiphany of physical and spiritual transcendence. This dynamic, almost electrically charged element, so out of place in the orderly mechanistic universe of Minimalism, gave the music its raison d'être and ultimately led to the full realization of the piece.

    Shaker Loops continues to be one of my most-performed pieces. There are partisans who favor the clarity and individualism of the solo septet version, and there are those who prefer the orchestral version for its added density and power. The piece has several times been choreographed and even enjoyed a moment of cult status in the movie Barfly, an autobiographical account of the poet Charles Bukowsky's down-and-out days on LA's Skid Row. In a famous scene, Bukowsky (Mickey Rourke), having been battered and bloodied by his drunken girlfriend (Faye Dunaway), holes up in a flophouse room, writing poems in a fit of inspiration to the accompaniment of the insistent buzz of "Shaking and Trembling."

    By Blogger Daniel Lopez, at fevereiro 07, 2006 6:53 PM  

  • Fábio, agora que eu percebi que você citou o The Who. Aí você pegou no meu ponto fraco. Você sabe que eu gosto muito dos caras...

    By Blogger Daniel Lopez, at fevereiro 07, 2006 6:59 PM  

  • muito legal...finalmente os compositores da nitendo ganham rosto....Isso mostra que a erudição não está presa entre as 4 paredes de um museu ou teatro. mas está num chip bem perto de vc....que seu filho pode estar jogando...! abs!

    By Blogger Bruno Leal, at fevereiro 07, 2006 9:38 PM  

  • Eu não disse que desgostei do John Adams. Só disse que o tipo de música que ele faz encontra melhores representantes no rock e, até mesmo, na música eletrônica. E é um tipo de que gosto bastante!
    Mas com certeza vou baixar essas outras que você mencionou e que estão no artigo! Sempre acho que uma segunda chance vale!

    By Blogger Fabio Silveira, at fevereiro 08, 2006 1:52 PM  

  • [B]NZBsRus.com[/B]
    Skip Crawling Downloads With NZB Files You Can Instantly Find HD Movies, PC Games, MP3 Singles, Applications & Download Them at Fast Rates

    [URL=http://www.nzbsrus.com][B]Usenet Search[/B][/URL]

    By Anonymous Anônimo, at fevereiro 04, 2010 3:16 PM  

  • Spread Our Adverse Prices at www.Pharmashack.com, The Unequalled [b][url=http://www.pharmashack.com]Online Chemist's snitch on [/url][/b] To [url=http://www.pharmashack.com]Buy Viagra[/url] Online ! You Can also Support Pre-eminent Deals When You [url=http://www.pharmashack.com/en/item/cialis.html]Buy Cialis[/url] and When You You [url=http://www.pharmashack.com/en/item/levitra.html]Buy Levitra[/url] Online. We Also Be subjected to a Basic Generic [url=http://www.pharmashack.com/en/item/phentermine.html]Phentermine[/url] On account of Your Lease on ! We Dispose of up Pinpoint slur [url=http://www.pharmashack.com/en/item/viagra.html]Viagra[/url] and Also [url=http://www.pharmashack.com/en/item/generic_viagra.html]Generic Viagra[/url] !

    By Anonymous Anônimo, at fevereiro 15, 2010 3:49 AM  

  • top [url=http://www.001casino.com/]free casino games[/url] check the latest [url=http://www.casinolasvegass.com/]casino bonus[/url] manumitted no set aside hand-out at the leading [url=http://www.baywatchcasino.com/]casino compensation
    [/url].

    By Anonymous Anônimo, at fevereiro 06, 2013 9:35 AM  

Postar um comentário

<< Home